Cidade GDF saúde

Força-tarefa faz um alerta para a moçada de Samambaia

Samambaia está com 100% de UTIs ocupadas | Foto: Renato Alves/Agência Brasília

Administração regional lança campanha nas redes sociais contra aglomerações. Cidade registrou mais de 18 mil casos e está com todas as UTIs ocupadas

A Administração Regional de Samambaia e outros órgãos do GDF, em parceria com o Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT), se uniram em uma força-tarefa com o objetivo de mobilizar e sensibilizar a população quanto ao enfrentamento à Covid-19. Em um cenário complicado, tendo em vista o aumento na transmissibilidade do coronavírus na região, a Regional está focada em um trabalho de conscientização contra aglomerações.

“Hey, Samambaia, não deixe acontecer o que rolou…com os irmãos de outros lugares do mundo. Não queremos ver você nessa situação”Mensagem em vídeo divulgado nas redes sociais

Para se conectar com o público jovem, o que mais tem desrespeitado as regras de distanciamento social, a equipe da administração regional já iniciou conversas com influenciadores da cidade e, com o apoio deles, está produzindo mensagens e campanhas de conscientização para divulgar nas redes sociais.

“O retrato da atual situação da pandemia que estamos vivendo fez com que a gente optasse por direcionar mensagens para conscientizar os jovens da importância de respeitarem as medidas de combate ao coronavírus, como a não realização de festas”, explica o administrador regional de Samambaia, Gustavo Aires.

Em uma das peças divulgadas, um vídeo mostra a situação de calamidade da saúde pública e os elevados riscos de morte. Sob imagens de hospitais lotados, funerais e pessoas chorando, letreiros alertam: “Hey, Samambaia, não deixe acontecer o que rolou…com os irmãos de outros lugares do mundo. Não queremos ver você nessa situação”.

O administrador destaca ainda que a força-tarefa do governo – DF Legal, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Polícia Civil, conselhos de Saúde e de Segurança, entre outros órgãos – está reforçando as ações de fiscalização. “Somente com conscientização vamos diminuir a velocidade de contágio do vírus”, conclui o gestor.

No início da tarde desta quarta (10), Samambaia registrava 18.012 casos de Covid-19 confirmados desde o início da pandemia, sendo 702 ainda ativos e 16.937 recuperados, além de 373 óbitos registrados. No Hospital Regional de Samambaia, todos os quatro leitos de cuidado intensivo (UCI) e os 27 de tratamento intensivo (UTI) estavam ocupados, de acordo com o painel de situação da Secretaria de Saúde.

About the author

Ataide Santos

Add Comment

Click here to post a comment