Cultura

Festival Dulcina terá programação gratuita de teatro

A primeira edição do Festival Dulcina — que ocorrerá de 24 de novembro a 3 de dezembro — levará nove espetáculos de teatro gratuitos à população do Distrito Federal. A iniciativa tem apoio do Fundo de Apoio à Cultura (FAC).

A distribuição de ingressos será iniciada duas horas antes de cada apresentação, na bilheteria do Teatro Dulcina. Cada pessoa poderá retirar até dois bilhetes. A programação ainda inclui atividades de formação teatral e uma exposição de artes visuais no foyer do teatro.

Com apoio do FAC, primeira edição do Festival Dulcina terá nove espetáculos teatrais gratuitos

Das nove apresentações, sete são produções locais, uma é de São Paulo e outra de Pernambuco. De acordo com o curador do festival, Humberto Pedrancini, as peças cênicas foram escolhidas entre quase 40 opções.

“Elas variam entre espetáculos de rua, de palco, de sombras, tradicionais, com pessoas em cadeiras de rodas. Tem espetáculo sem palavra, tem espetáculo com muita palavra. A diversidade temática foi o que nos norteou”, explica Pedracini.

Entre as atrações, está o espetáculo Essa coisa chamada amor, do diretor Fernando Guimarães, ex-professor da Faculdade Dulcina de Moraes. O texto apresenta questionamentos sobre relações amorosas e inadequações às realidades cotidianas.

De acordo com a organização do festival, o evento tem o objetivo de resgatar o valor de patrimônio artístico e material da instituição, que passou por reestruturação nos últimos anos.

Festival Dulcina

De 24 de novembro a 3 dezembro
No Complexo Cultural Dulcina (Setor de Diversões Sul (Conic), Bloco C, nº 30/64)
Entrada gratuita
Informações: (61) 98180-3321


24 de novembro (sábado)

Às 16 horas
Abertura da exposição Acervo DeBanda
Na Galeria Dulcina

 

Às 20 horas
Paranoia – Grupo Oficina (SP)
No Teatro Dulcina

 

Às 21 horas
Bate papo com José Celso Martinez Correa
No Teatro Dulcina

 

25 de novembro (domingo)

Às 20 horas
Essa coisa chamada amor – Fernando Guimarães (DF)
No Teatro Dulcina


26 de novembro (segunda-feira)

Às 20 horas
Quando os elefantes saem para passear – Marcela Hollanda (DF)
No Teatro Conchita

 

Às 21 horas
Essa coisa chamada amor – Fernando Guimarães (DF)
No Teatro Dulcina


27 de novembro (terça-feira)

Às 19h30
Aula espetáculo – Humberto Pedrancini
No Teatro Conchita

 

Às 21 horas
Essa coisa chamada amor – Fernando Guimarães (DF)
No Teatro Dulcina


28 de novembro (quarta-feira)

Às 15 horas e às 20 horas
2 Mundos – Cia Lumiato (DF)
No Teatro Dulcina


29 de novembro (quinta-feira)

Às 15 horas e às 20 horas
O Disquite do coroné – Brasil Cantante (DF)
No Teatro Dulcina


30 de novembro (sexta-feira)

Às 20 horas
Similitudo – Projeto PÉS – Teatro-Dança com Pessoas com Deficiência (DF)
No Teatro Dulcina


1 de dezembro (sábado)

Às 21 horas
Aquilo que meu olhar guardou pra você – Grupo Magiluth (PE)
No Teatro Dulcina


2 de novembro (domingo)

Às 20 horas
Provável Paraíso Perdido – Coletivo Esperanza (DF)
No Teatro Dulcina


3 de dezembro (segunda-feira)

Às 14 horas
Workshop Provável Paraíso Perdido – Coletivo Esperanza (DF)
No Teatro Dulcina

 

Às 19 horas
DeBanda – César Lignelli (DF)
Na Praça Zumbi dos Palmares

Fonte: Agência Brasília