Ministro da Saúde afirma que saneamento básico deve ser prioridade

Ontem durante o 1º Encontro da Rede Nacional de Especialistas em Zika e Doenças Correlatadas, o ministro da Saúde, Ricardo Barros, anunciou que para que haja o combate à disseminação de doenças é necessário investir prioritariamente em saneamento básico.

“Água tratada, esgoto tratado e lixo coletado e tratado são fundamentais para evitar a disseminação de doenças. Precisamos sim fazer um investimento forte em saneamento” afirmou o ministro. Segundo o mesmo, a cada um real investido em saneamento, são economizados 4 reais em saúde. E que para isso existe um grupo que tenta articular com outros ministérios para que haja um investimento no setor.

Outro ponto agravante seria a Dengue e a febre Chikungunya, que possui uma proliferação maior no verão aumentando os casos, podendo provocar mortes e agravar a epidemia do Vírus Zika, um problema que poderia ser minimizado com um saneamento básico adequado.

“A dengue também tem, eventualmente, causado algumas mortes. Todas essas doenças merecem a atenção do Estado e procuraremos combater no conjunto o mosquito, que é o que transmite todas elas”, afirmou Barros.

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *