Mídia

Danilo Gentili empata com Huck, Doria e Mandetta em pesquisa encomendada pelo MBL

Danilo Gentili e integrantes do MBL (Reprodução/SBT )

Apesar de empatar com os principais nomes do centro, os números mostram que as perspectivas não são nada boas para Gentili e outras “alternativas” de centro-direita

Por Plinio Teodoro

Com a esperança de que a queda de Jair Bolsonaro (Sem Partido) nas pesquisas abra espaço para o surgimento de uma “alternativa” anti-Lula em 2022, o Movimento Brasil Livre (MBL), de Kim Kataguiri e companhia, testou o nome do apresentador do SBT, Danilo Gentili, em estudo encomendado ao Institutos de Pesquisa & Estratégia (IPE).

O resultado foi otimista para aqueles que ainda pensam que a aliança de centro terá espaço em 2022.

Segundo informações de Mônica Bergamo, na edição desta terça-feira (6) da Folha de S.Paulo, Gentili aparece empatado com o apresentador Global Luciano Huck, com o governador paulista, João Doria (PSDB) e os ex-ministros Luiz Henrique Mandetta (DEM) e Ciro Gomes (PDT).

O porcentual, no entanto, não anima. Apenas 4% dos entrevistados dizem preferir os nomes colocados pela centro-direita.