Meio Ambiente

Congresso Nacional recebe projeções em defesa de terras indígenas e contra garimpo ilegal

Projeção na Câmara marca entrega de petição com mais de 400 mil assinaturas que pede a retirada de garimpeiros ilegais da Terra Indígena Yanomami — Foto: Mateus Bonomi/Agif/Estadão Conteúdo
Por G1 DF

O Congresso Nacional recebeu projeções em defesa de terras indígenas e contra o garimpo ilegal nas áreas de preservação, na noite desta quinta-feira (3). A Iniciativa faz parte da campanha #ForaGarimpoForaCovid, do Fórum de Lideranças Yanomami e Ye’kwana.

Nesta quinta, o grupo entregou a autoridades federais uma petição para a retirada de garimpeiros ilegais da terra Yanomami em Roraima e no Amazonas. Segundo os organizadores, cerca de 20 mil pessoas exploram a área irregularmente.

As projeções exibidas no Congresso traziam mensagens em defesa do meio ambiente e pedindo a união entre a população urbana e os indígenas. “Juntos, povo da floresta e povo da cidade”, dizia um dos textos.

Projeção em defesa dos Yanomami é vista na Câmara dos Deputados na noite desta quinta (3) — Foto: Mateus Bonomi/Agif/Estadão Conteúdo

Projeção em defesa dos Yanomami é vista na Câmara dos Deputados na noite desta quinta (3) — Foto: Mateus Bonomi/Agif/Estadão Conteúdo

Operação em Roraima

Na semana passada, a Polícia Federal realizou uma operação contra o garimpo ilegal na terra Yanomami em Roraima. A ação teve como alvo um trio suspeito de comandar a operação no local.

Durante as buscas, os agentes encontraram ouro escondido em uma lixeira que estava em um banheiro. Segundo as investigações, além da própria exploração do garimpo na região, os suspeitos eram responsáveis pela logística e pelo envio de insumos e materiais para viabilizar o crime de outros garimpeiros da região.

Publicidade