Greve dos caminhoneiros: sem combustível, ônibus do DF podem parar

Depois de afetar o Aeroporto JK e a venda de gás de cozinha, o impacto da greve dos caminhoneiros agora chega ao transporte coletivo. As empresas de ônibus do DF têm estoque de combustível suficiente para, no máximo, domingo.

A Associação das Empresas de Transporte Coletivo e Urbano do Distrito Federal confirmou o problema. As viações São José e Pioneira só possuem combustível até amanhã (24). A Urbi e Marechal, por sua vez, terão estoque disponível até sexta-feira (25). Já a frota da Piracicabana só deve rodar até domingo.

Segundo a associação, caso a falta de combustível prossiga, nenhuma frota mínima irá para as ruas.

Gás de cozinha

A greve dos caminhoneiros já causa impacto na distribuição do gás de cozinha De acordo com o Sindicato das Empresas Transportadoras e Revendedoras de GLP (Sindvargas), as 570 revendedoras do gás alertaram que a falta poderá chegar aos consumidores a partir de amanhã (24).

Fonte: JBr

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *