Geral

Vice-governador Paco Britto reinaugura biblioteca pública do Paranoá

Os moradores do Paranoá amanheceram em festa neste domingo (23). A biblioteca pública Professor Jadir Soares dos Reis foi reinaugurada após quase um ano desativada. A solenidade contou com a participação do vice-governador Paco Britto e sua esposa, Ana Paula Hoff. Ela foi convidada para ser madrinha do espaço. A abertura da cerimônia contou o Hino Nacional executado pela Banda de Música do Corpo de Bombeiros do Distrito Federal (CBMDF).

Em nome do governador Ibaneis Rocha, Paco Britto parabenizou a iniciativa e pediu zelo pelo novo local: “Cuidem dessa biblioteca, pois ela é da população do Paranoá e do Distrito Federal”. Ele se referiu aos livros como “um amigo sábio com experiência de vida e que pode levar cada um de nós a ter uma vida melhor, a conhecer melhor a nós mesmos e ao mundo”.

Durante discurso, Ana Paula falou sobre conhecimento e liberdade. “Contem sempre comigo, pois esse é um ambiente em que todos aprendem a crescer de maneira mais livre, que recebem conhecimento para que possa formar sua própria opinião sobre as coisas, sem depender de mais ninguém. Que vocês possam usufruir dessa liberdade”, desejou.

A biblioteca foi criada em 2001 pela Administração Regional do Paranoá, mas passou quase um ano de portas fechadas. Agora, o espaço ganha novos ares com completa revitalização. À população, foi destinada uma quadra de vôlei de areia instalada ao lado do prédio. Segundo o administrador regional Serginho Damaceno, haverá aulas gratuitas para as crianças. Elas serão ministradas pelo profissional de Educação Física Léo Santos, que também é técnico de vôlei de praia.

Falando publicamente pela primeira vez como secretário de Governo, José Humberto afirmou, após conversa reservada com o vice-governador, que se reunirá com a Sociedade de Transportes Coletivos de Brasília (TCB) “para buscar a viabilidade de um projeto de leitura nos ônibus”. A solenidade também contou com participação do secretário das Cidades, Gustavo Aires.

Biblioteca

O ambiente, que foi revitalizado em tempo recorde com o apoio da iniciativa privada, conta com sistema de ar condicionado, Wi-Fi gratuito e iluminação com lâmpadas de led. As estantes e as mesas, por exemplo, foram disponibilizadas pelo GDF, por meio da Secretaria de Cultura. No local, 30 estantes comportam mais de 10 mil livros, tornando esse o maior acervo desde a inauguração. A expectativa é que a rotatividade seja de dois mil alunos por mês.

Cerca de 15 colaboradores realizaram trabalho voluntário, desde a pintura até o paisagismo. Além disso, voluntários da comunidade auxiliam na organização e conservação do ambiente. A presidente da Associação de Idosos de Itapuã doou três mil livros à biblioteca pública.

O nome emprestado à biblioteca é em homenagem ao primeiro diretor de escolas do Paranoá, professor Jadir Soares dos Santos, que atuou por muitos anos e se tornou parte da história da cidade. Conhecedor dessa história, o publicitário e também jornalista Klerysson Rodrigues, 38 anos, opinou sobre a biblioteca.

“É de extrema importância tê-la, pois ajuda na cultura e na educação”, disse, olhando para a filha Kayane, 12 anos, estudante de escola local, que também foi conferir de perto essa novidade. Já para a presidente do Centro de Convivência do Idoso, Josefa Soares, conhecida como “Zefinha”, 93 anos, a nova biblioteca “caiu do céu”.

Domingo da Gente 

Neste domingo, o evento teve programação variada de atividades e entretenimento para toda família em uma edição do “Domingo da Gente”. O projeto foi aberto ao som do Hino Nacional, executado pela Banda dos Fuzileiros Navais. Na ocasião, as famílias apreciaram exposições como caminhões e veículos da Marinha, do Exército e do Corpo de Bombeiros; de carros antigos; além de brinquedos infláveis variados para a alegria da criançada.

A vendedora Daniele da Conceição Santos, 29 anos, assistiu à missa e correu para o local, com a família, para aproveitar o dia. “Tudo muito interessante. Aproveito para me divertir e conhecer”, disse, referindo-se às exposições locais.

Benfeitorias

E foi nesse clima de festa que o administrador regional anunciou, emocionado, novas benfeitorias para a cidade. Ele afirmou que, nesta semana, o governador estará na região para formalizar as melhorias na rodovia, que diminuirá em até cinco quilômetros a distância entre as vias que ligam a cidade até a nova barragem. Serginho Damaceno disse ainda que foi implantada uma central de projetos onde atuam 18 profissionais da área de engenharia.

Na oportunidade, a madrinha Ana Paula ganhou um vaso com orquídeas. A lembrança reforçou a ideia do projeto que sinaliza Brasília como a capital das orquídeas, cujo intuito é transformá-la em um orquidário a céu aberto.

Fonte: Agência Brasília

Faça um comentário

Clique aqui para fazer um comentário