Decoração de Natal vai destacar oito pontos turísticos de Brasília

Neste ano, Brasília vai estrear a decoração de Natal em 14 de dezembro, com o projeto Natal Cidade Design. Até 25 de dezembro, oito dos principais pontos turísticos da capital federal serão palco de espetáculos visuais com iluminação natalina.

Torre de TV, Congresso Nacional e Catedral estão entre os pontos turísticos que receberão iluminação especial para o Natal

Além das tradicionais luzes, haverá interações de vídeos 2D e 3D em três monumentos: na Biblioteca Nacional, no Teatro Nacional Claudio Santoro e na escultura Meteoro, de Bruno Giorgi, no Palácio do Itamaraty.

As projeções mapeadas terão duração de 10 minutos e ocorrerão a cada meia hora, das 19 às 23 horas.

“Brasília vai ter, pelo segundo ano consecutivo, uma iluminação de Natal moderna e inovadora com elementos produzidos por Athos Bulcão, que fazem parte do DNA da nossa cidade”, adianta Jaime Recena, secretário do Esporte, Turismo e Lazer.

Os demais locais que receberão as instalações natalinas são: Esplanada dos Ministérios, Museu Nacional, Catedral Metropolitana Nossa Senhora Aparecida, Congresso Nacional e Torre de TV.

Iluminação natalina ficará ligada das 18h30 às 5 horas de 14 a 25 de dezembro

Em todos os pontos haverá iluminação contínua de LED. As luzes ficarão acesas das 18h30 às 5 horas. O objetivo é que a arquitetura de Brasília tenha destaque durante todo o período noturno.

O projeto será feito por meio termo de fomento entre a Secretaria do Esporte, Turismo e Lazer e o Instituto Terceiro Setor. O extrato foi publicado no Diário Oficial do Distrito Federal de quinta-feira (29), com o valor de R$ 2,2 milhões.

Decoração ressalta título de cidade criativa do design

O projeto Natal Cidade Design visa reforçar o título de cidade criativa do design. O reconhecimento foi dado à Brasília, em 2017, pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco).

A capital é uma das 64 escolhidas — entre 44 países — em sete áreas temáticas: artesanato e artes folclóricas, design, filme, gastronomia, literatura, artes midiáticas e música.

Fonte: Agência Brasília

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *