Detran não registra acidentes fatais em 2016 na Hélio Prates

Em 2015, a avenida Hélio Prates, foi a que mais registrou acidentes de trânsito com óbitos, no perímetro urbano do Distrito Federal. Foram seis ocorrências, que resultaram em oito mortes, além 102 acidentes com feridos registrados.

No início deste ano, a Gerência de Estatísticas de Acidentes de Trânsito do Detran (Gerest) realizou um estudo para identificar os pontos críticos da via, para possibilitar uma atuação mais direcionada. Com base no estudo estatístico, equipes da fiscalização intensificaram as operações de patrulhamento e ponto de controle de tráfego, em especial nos locais considerados mais perigosos.

De acordo com o Detran, as ações contínuas e focadas, principalmente nos horários que mais ocorreram registros, possibilitaram um comportamento mais prudente dos condutores. A Engenharia revitalizou a sinalização horizontal e vertical do local para garantir mais visibilidade, além de revisar os tempos dos semáforos. Esse trabalho zerou as ocorrência de acidentes de trânsito fatais na via.

Quanto aos acidentes de trânsito com feridos, de acordo com dados preliminares, até novembro deste ano foram registradas 89 ocorrências. O equivalente a uma redução de 12,7% dos casos. (Com informações do Detran)

Publicado originalmente por: Metrópoles

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *