Cultura

60 anos de Brasília viram enredo de escola de samba carioca

A  agremiação  Unidos de Vila Isabel  promoveu neste sábado (13) um evento de apresentação do enredo para o carnaval 2020, com a presença do governador Ibaneis Rocha.

O enredo da escola de samba será “Gigante pela Própria Natureza, Jaçanã e um índio chamado Brasil”, de autoria do carnavalesco Edson Pereira, que esteve no gabinete do governador Ibaneis Rocha, em maio , junto com a comissão da agremiação.

A história conta, por uma lenda indígena, o sonho de um curumim que revela o nascimento de sua irmã – uma menina que trará a esperança para os povos e chamará Brasília.

O enredo narra o voo de uma jaçanã por todas as regiões do Brasil, acompanhando os povos até a capital federal.

A temática valoriza a miscigenação e a junção de povos de diversas regiões em Brasília, ao colocar que a alma da cidade são os brasileiros que aqui fizeram suas vidas – um caldeirão de brasilidade.

Brasília é retratada como uma possibilidade de união e igualdade entre os povos, uma casa nova aos brasileiros.

Na lenda apresentada, Brasília será modelada por dois pajés (Lucio e Oscar), realizada pelo Cacique (JK), e feita pelos Candangos. São citados, ainda, os traços retos e modernos da capital, o sonho de Dom Bosco, o Lago Paranoá e as cidades-satélites. Os candangos ganham papel de destaque.

“Estou muito feliz de estar aqui neste momento, representando a capital do Brasil. Vamos levar a história da nossa cidade para a avenida e mostrar ao mundo quem somos”, afirmou o governador, durante a festa na quadra da Vila Isabel, nesta noite.

A Vila Isabel
Fundada em 4 de abril de 1946 por Seu China, foi campeã do grupo especial em 1988, 2006 e 2013.

Recebeu, em 2007, titulação do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) por fazer parte da base que decretou o título de Patrimônio Cultural do Brasil às Matrizes do Samba no Rio de Janeiro: Partido Alto, Samba de Terreiro e Samba-Enredo.

A Quadra da escola tem 4 mil m² com capacidade para 7 mil pessoas.
Presidente Executivo: Fernando Fernandes
Presidente de Honra: Martinho da Vila

Fonte: Agência Brasília

Faça um comentário

Clique aqui para fazer um comentário