Chuva de reclamações nas regiões afetadas pela crise hídrica no DF

No terceiro dia de racionamento de água, o Gama foi a única cidade atingida. Conforme a Companhia de Saneamento Ambiental (Caesb), o fornecimento para a região foi cortado às 8h de ontem e só será reativado na manhã de hoje. A empresa pública alerta que a normalização do serviço pode demorar até dois dias para acontecer.

Hoje, Águas Claras (zona baixa), C.A. Iapi, Candangolândia, Ceilândia Leste, Park Way, Núcleo Bandeirante, Samambaia, Setor de Postos e Motéis e Metropolitana, Vargem Bonita e Vila Cauhy terão o fornecimento de água cortado por 24 horas. A normalização do serviço, a exemplo do Gama, acontecerá nos dois próximos dias.

O comerciante Antônio Benvindo, que atua na cidade afetada ontem, reclamou que, sem água, “fica difícil trabalhar”. “Sem isso não tem como produzir muita coisa”, resume. Ele, no entanto, reconhece a importância da medida e garante ter adotado precauções para minimizar os prejuízos ao seu negócio. “Existem duas caixas d’água em cima do prédio. A gente junta também água nos baldes e nos galões para a manutenção do dia a dia”, revela.

Originalmente por: Jornal de Brasília

Compartilhe em suas redes sociaisShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *