#BoraVencer ajudou 1.073 alunos a entrar em universidades públicas do DF

Os nove aulões preparatórios do #BoraVencer ao longo de 2017 refletiram positivamente no desempenho de alunos que pleitearam vagas em universidades públicas do Distrito Federal.

A primeira chamada dessas instituições contemplou 1.073 estudantes que participaram do programa do governo de Brasília no ano passado.

Na Universidade de Brasília (UnB), foram 925 aprovados — 769 pelo Programa de Avaliação Seriada (PAS) e 156 pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu). No Instituto Federal de Brasília (IFB), 128, e na Escola Superior de Ciências da Saúde, 20.

Alunos do #BoraVencer aprovados em universidades públicas do DF
UnB (PAS) 769
UnB (Sisu) 156
IFB 128
Escola Superior de Ciências da Saúde 20

Em 2017, o #BoraVencer contribuiu para o ingresso de 759 jovens em universidades públicas locais.

Para Aurélio Araújo, titular da Secretaria de Políticas para Crianças, Adolescentes e Juventude, pasta que coordena o programa, os números representam apenas uma pequena porcentagem.

“Não temos os dados dos aprovados em universidades estaduais ou privadas, mas já tivemos casos de alunos que foram estudar em faculdades públicas fora de Brasília”, explica o secretário.

O projeto ofereceu preparação gratuita para o Programa de Avaliação Seriada (PAS) e para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

Ao todo, foram 25.347 estudantes contemplados — 10 mil apenas no aulão de dicas, em outubro.

#BoraVencer nasceu de demanda da juventude do DF

O programa foi criado para atender à demanda eleita na Conferência Distrital de Juventude de 2015, que pedia oportunidades de estudo para o vestibular e o Enem.

Com aulas gratuitas e professores voluntários, os conhecimentos são repassados divididos por temas:

  • matemática
  • ciências da natureza (física, química e biologia)
  • ciências humanas (filosofia, sociologia, história e geografia)
  • linguagens, códigos e redação (línguas portuguesa, inglesa e espanhola e redação)

Fonte: Agência Brasília

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *