Autuações por falta de seta aumentaram 42,8% este ano

Dar seta é imprescindível para a segurança no trânsito e ainda é obrigatório por lei. No entanto, muitos motoristas se esquecem de sinalizar as intenções. Neste ano, as autuações por falta do uso da seta aumentaram 42,8%. Foram 18.276 infrações, de janeiro a setembro, contra 12.796 registradas no mesmo período do ano passado.

De acordo com o artigo 196 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), deixar de dar a seta é infração grave, com multa de R$ 195,23 mais cinco pontos na habilitação.

Os motoristas devem indicar com antecedência, por meio da seta, toda mudança de direção: antes de trocar de faixa, de fazer ultrapassagens, conversões e retornos. Esta simples atitude facilita a comunicação no trânsito, proporcionando mais segurança à circulação de veículos nas vias.

Manutenção

O motorista deve sempre ter em mente que é fundamental ver e ser visto no trânsito. Por isso, o responsável pelo veículo precisa estar atento às condições do sistema de iluminação, como por exemplo faróis, lanternas, luzes de freio, luz da placa e também as setas. Conforme o CTB, conduzir o veículo com defeito no sistema de iluminação, de sinalização ou com lâmpadas queimadas é infração média, com multa de R$ 130,16 e quatro pontos na CNH.

Fonte: JB

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *